Ultrassom 3D


O ultrassom em 3D nos proporciona exatamente este momento. Possibilita enxergarmos de forma nítida as feições fetais. O 3D mostra fotos do bebê e o 4D (que conta o tempo como a quarta dimensão) mostra essas mesmas imagens, só que em movimento. É como se o 3D fosse uma foto estática e o 4D uma filmagem que capta movimentos fetais em tempo real. Logo é possível ver com quem o bebe parece, ver o sexo, mãos e pés, ver ele bocejando, colocando a língua pra fora, sorrindo.


A ultrasonografia 3D/4D pode ser realizada em qualquer fase da gestação cada uma retratando uma fase diferente do bebe. A fase ideal é a partir da 26ª semana, pois neste período o bebê já possui uma imagem mais próxima do que será ao nascer. Além disso a quantidade de líquido é boa, os movimentos fetais são amplos e a cabeça fetal não está encaixada. Antes disso o bebe é muito magrinho e depois de 32 semanas torna-se difícil pois o espaço dentro do útero acaba tornando-se reduzido. O bebe fica menos móvel e o rosto pode ficar encoberto pelas mãos, pés, placenta.

A ultrassonografia 3D/4D em certos casos pode auxiliar no diagnóstico e na compreensão dos pais de algumas malformação como lábio leporino. É bom ter consciência também de que nem sempre as fotos ou as imagens vão sair bonitinhas e claras como a gente quer. Tudo depende da posição em que o bebê está. Se o bebê estiver virado de costas ou estiver com o rosto muito próximo da parede do útero ou com as mãos e cordão na frente do rosto, a imagem pode ficar difícil. A presença de gordura na barriga da mãe também interfere na clareza da imagem.



#3D #4D #5D #HDlive #Ultrassonografia3D #UltrassonografiaTridimensional

BOA FORMA NA GRAVIDEZ.png
101ReceitasdePapinhas_Imagem001_Anuncio_
marketing medico digital.png