Dor na mama ou no mamilo


Dor na mama é qualquer desconforto, sensibilidade ou dor na mama ou na região das axilas e pode ocorrer por vários motivos. Dor na mama geralmente NÃO é um sinsl de câncer de mama.


A dor na mama deve me preocupar com o câncer de mama?

Embora muitas mulheres com dor em uma ou ambas as mamas possam estar preocupadas com o fato de ser câncer de mama, a dor na mama NÃO é comumente um sintoma  de câncer.


O que causa dor na mama?


Existem várias causas inofensivas para a dor e sensibilidade mamária que podem estar relacionadas principalmente a alterações nos níveis hormonais. Isso pode incluir:


  • Puberdade nas meninas e às vezes nos meninos também

  • Menstruação e síndrome pré-menstrual (TPM)

  • Gravidez - mais frequentemente durante o primeiro trimestre

  • Dias após o parto, quando o leite chega na amamentação. Mastite, que é causada por um duto de leite que não drena corretamente e infecciona, deve ser tratada. Não tem correlação com câncer, mas pode se tornar uma infecção grave se não for tratada.

  • Menopausa

  • Abscesso mamário, que é uma infecção dentro da mama, semelhante a furúnculo.

  • Um cisto benigno

Tecido Fibrocístico da Mama


A mama feminina é composta basicamente por gordura e glândulas produtoras de leite. A gordura é formada principalmente por um conjunto de células de gordura chamadas de tecido adiposo. Esse tecido se estende da clavícula até a axila e até o meio da caixa torácica.

Já o tecido glandular tem uma características peculiares e sofrem modificações durante as várias fases da vida da mulher. Uma mama feminina saudável é composta por 12–20 seções chamadas lóbulos. Cada um desses lóbulos é composto de muitos lóbulos menores, a glândula que produz leite em mulheres que amamentam. Os lóbulos e os lóbulos são conectados por dutos de leite, que funcionam como hastes ou tubos para transportar o leite até o mamilo. Essas estruturas mamárias geralmente são onde o câncer começa a se formar.

Algumas mulheres têm tecido mamário predominare, denominado seio fibrocístico, que pode ser mais dolorido em certas épocas do mês. Seios fibrocísticos não estão necessariamente ligados ao câncer de mama, e os caroços são cistos cheios de líquido, e não uma massa de células. As alterações fibrocísticas da mama também são uma causa comum de dor na mama. O tecido mamário fibrocístico contém caroços que tendem a ser mais sensíveis um pouco antes do período menstrual.


Certos medicamentos podem causar dor na mama

Os gatilhos conhecidos para o aumento da dor na mama incluem:

  • Preparações Digitais

  • Metildopa (Aldomet)

  • Espironolactona (Aldactona)

  • Certos diuréticos

  • Anadrol

  • Clorpromazina


Quando a dor na mama está associada ao câncer de mama?

A dor na mama geralmente está presente em algum grau com o câncer de mama inflamatório, que também apresenta outros sintomas distintos. Raramente, um tumor de mama pode causar dor, mas geralmente os tumores cancerígenos não são relatados como dolorosos.


O que devo fazer se sentir dor na mama?

Se você sentir dor na mama, entre em contato com seu médico.


Se você sentir dor juntamente com qualquer um dos sintomas a seguir, entre em contato com seu médico.


  • Secreção sangrenta ou clara do mamilo

  • Um novo caroço com o início da dor; caroço não desaparece após o período menstrual

  • Dor persistente e inexplicável na mama

  • Sinais de infecção mamária, incluindo vermelhidão local, pus ou febre

  • Vermelhidão da pele da mama que pode aparecer como erupção na pele, com poros dilatados e possivelmente espessamento da pele. (Estes são sinais de câncer de mama inflamatório e geralmente causa dor)



Posts recentes

Ver tudo

Síndrome de Hiperestimulação Ovariana

A síndrome de hiperestimulação ovariana (SHO) é uma resposta exagerada ao excesso de hormônios. Geralmente ocorre em mulheres que tomam medicamentos com hormônios injetáveis ​​para estimular o desenvo

Mitos e verdades sobre Câncer de Mama

Existe muita desinformação por aí. Certifique-se de conhecer os fatos sobre o câncer de mama. Apenas cerca de 20% de todos os tumores de mama são cancerígenos. A maioria dos tumores cancerígenos é alt

BOA FORMA NA GRAVIDEZ.png
101ReceitasdePapinhas_Imagem001_Anuncio_
marketing medico digital.png